4 de dezembro de 2020
  • WhatsApp
  • Comunicar erro

Teodorico

Teodorico José da Silva

LINHA DO TEMPO


09/01/1952

Como Joaquim da Veiga Jardim não se encontra na cidade, o time será comandado no primeiro jogo com o Goiás por Teodorico.
10/01/1952

Teodorico define o ataque do Goiânia com Elson, Cisquinho, João Preto, Foca e Loló para enfrentar o Goiás.
16/01/1952

O árbitro Leão acusa o treinador do Goiânia, Teodorico, de ter oferecido a ele um suborno de Cr$ 4 mil para favorecer o time alvinegro contra o Goiás.
16/01/1952

Teodorico nega acusação de suborno pelo árbitro Leão e diz que vai contratar um advogado para se defender da calúnia.
15/04/1952

Diretoria do Goiás acerta a contratação do técnico Teodorico, que volta ao clube.
27/06/1952

O zagueiro Pão Duro se coloca a disposição para assumir a direção técnica do Goiás. A diretoria fica entre manter Teodorico ou efetivar Pão Duro.
24/09/1952

Pão Duro deixa o comando técnico do Goiás. Diretoria esmeraldina cogita as vindas de Graciano Acosta ou Teodorico.
12/02/1953

Com o fracasso das negociações para fusão entre União e Araguaia, o técnico Teodorico deixa a União, podendo voltar ao Goiás.
12/02/1953

Se for confirmada a saída de Teodorico, a União cogita convidar o árbitro Geraldo Cassemiro para assumir a direção técnica.
12/02/1953

Se for confirmada a contratação de Teodorico pelo Goiás, o clube deve receber também os três jogadores ituiutabanos que estavam na União - Medeia, Didi e Paulo Maia.
14/02/1953

Diante de possibilidade de fusão com o Araguaia e pedido de jogadores, Teodorico deve permanecer na União.

HISTÓRICO

Clubes: Inhumas; Araguaia (1950); Goiás (1951); Goiânia - Juvenil (1951); Goiânia - Interino (1952); União-GO (1953); Goiás (1954); Vila Nova Vila Nova (1957); (1958); Vila Nova (1959-60); Vila Nova (1961); Vila Nova (1963).

Teodorico José da Silva era dono da pensão Santo Antoninho na rua 68 no Centro. Por diversas vezes ele dava hospedagem e alimentação para os jogadores.

Em 1950, quando o Araguaia estava sem presidente. Foi ele quem convidou um dos hóspedes de sua pensão, o securitário Paulo Rodrigues de Oliveira para presidir o time.

ESTATÍSTICAS


Partidas comandadas: 83

Vitórias: 46

Empates: 6

Derrotas: 31

PARTIDAS

Desenvolvido por brgomes.com