Zé Teodoro


José Teodoro Bonfim Queiroz  •  55 anos  •  Anápolis-GO (BRA)



Linha do tempo


22/11/1963

Nasce Zé Teodoro em Anápolis-GO (BRA).
28/02/2014

Ex-jogador do Goiás, técnico Zé Teodoro revela contato e diz que pode assumir comando do Vila Nova.
17/11/2015

Aparecidense confirma a contratação de Zé Teodoro, do lateral Leonardy e do goleiro Darci para o Goianão 2016
01/12/2015

Técnico Zé Teodoro recebe proposta do Ríver-PI, rescinde com Aparecidense poucos dias depois de ser anunciado para comandar a equipe no Goianão 2016
22/02/2016

Após sequência negativa, Itumbiara anuncia saída de Zé Humberto e a contratação de Zé Teodoro para a sequência do Goianão
02/11/2016

Diretoria da Aparecidense acerta a contratação do técnico Zé Teodoro para a disputa do Campeonato Goiano
04/05/2017

Zé Teodoro acerta renovação e vai comandar a Aparecidense na Série D do Brasileiro
08/05/2017

Rádio 730 e PUC TV, em parceria com a FGF, anuncia a seleção do Goianão 2017. Marcelo Rangel (goleiro), Maguinho e Patrick (laterais), Wesley Matos e Mirita (zagueiros); Léo Sena e Clécio (volantes), Tiago Luís e Gilmar (meias), Moisés e Léo Gamalho (atacantes). O técnico é Zé Teodoro. Michael é a revelação do campeonato. Tiago Luis é o melhor jogador. Eduardo Tomar (melhor árbitro) e Bruno Pires e Fabrício Vilarinho (os melhores assistentes)


Histórico


Em 2006, enquanto treinador do Ceará, conseguiu o título de Campeão Cearense em cima do Fortaleza, evitando assim o que seria o inédito título de Tetra-Campeão Estadual do Tricolor de Aço. Já em 2010, Zé volta ao futebol cearense, desta vez defendendo o Fortaleza e consagra-se Campeão Cearense em cima do Ceará. Título este que deu ao Fortaleza o inédito Tetracampeonato Cearense (2007-2008-2009-2010). Em 2011, agora já técnico do Santa Cruz, Zé Teodoro vence na final o Sport Recife. Impedindo assim que o Leão da Ilha se sagrasse hexacampeão pernambucano. Marco perseguido há tempos pelos rubro-negros e que somente o Náutico possui naquele estado. Em outubro, consegue o acesso à Série C do Campeonato Brasileiro. No ano seguinte conquista o bicampeonato, feito que o clube do Arruda não conseguia desde 1987.

Clubes: Jataiense (1996); Itumbiara (1997); Anápolis (1997); Goiânia (1998); Gama-DF (1999); Paraguaçuense-SP (1999-2000); Rio Branco-SP (2000-2001); Juventude-RS (2002); Paulista-SP (2002); Santo André-SP (2002); Náutico-PE (2004-2005); Portuguesa-SP (2005); Sport-PE (2005); Ceará-CE (2006); Rio Branco-SP (2007); Avaí-SC (2007); Atlético Goianiense (2008); Ceará-CE (2009); Juventude-RS (2009); Fortaleza-CE (2010); Santa Cruz-PE (2011-2012); Guarani-SP (2013); Náutico-PE (2013); ABC-RN (2014); Remo-PA (2015); Aparecidense (2016); Ríver-PI (2016); Itumbiara (2016); Aparecidense (2017); Uberlândia (2018).

Conquistas Coletivas:

Feitos Individuais:
Melhor Técnico do Campeonato Goiano: 2017



Estatísticas


Campeonato:
Edição:
Clube:



Partidas comandadas: 59
Vitórias: 23 Empates: 14 Derrotas: 22


Partidas




Programa de rádio

Edição 160 - Célio Gaúcho

Todos os domingos às 12h na Rádio 730

Enciclopédia


O zagueiro Ed fez o primeiro gol do Goiânia no Campeonato Brasileiro. Ele marcou na vitória do Galo, por 2 a 1, sobre o CEUB (DF), no dia 24/08/1975. O segundo gol alvinegro foi marcado pelo atacante Guilherme.

Históricos em destaque

Paraná-PR (BRA)

3 x 4

Atlético-GO (BRA)

Ver histórico completo



Vila Nova-GO (BRA)

1 x 5

Sport-PE (BRA)

Ver histórico completo