14 de agosto de 2020
  • WhatsApp
  • Comunicar erro

NOTÍCIAS

05/06/2020 17:29  •  Atualizada em 07/06/2020 11:28

Biografia: Fernandinho, o maior ponteiro direito da história do Vila

O ídolo colorado faleceu na última sexta-feira (5), vítima de um câncer

Internet / Reprodução

Em um caminhão pau-de-arara de propriedade de seu pai, Fernandinho e a família trocaram o interior baiano pela cidade de Anápolis. Sobrinho do ex-jogador do Galo da Comarca, Dadá, o jovem imigrante ingressou nas categorias de base do tricolor anapolino em meados da década de 60.

No Anápolis, Fernandinho chegou ao profissional em 1967. Com a camisa do Galo, ele ajudou o clube a conquistar a Copa Goiás logo no primeiro ano. Em 1970 defendeu o Grêmio Anapolino. Nas duas temporadas seguintes, o ponteiro vestiu a camisa do Campinas.

Em 1972, o tricolor campineiro foi encampado pelo Tigre. Desta forma, Fernandinho chegou ao Onésio Brasileiro Alvarenga. "Eu era apaixonado pelo futebol do Guilherme. Foi uma realização me transferir do Campinas para o Vila Nova," lembrou o atacante em entrevista ao Programa Futebol de Goyaz e Suas Histórias, em 2014.

Mais:

Programa Futebol de Goyaz e Suas Histórias - Edição 23 - Fernandinho

Ficha de Fernandinho no site Futebol de Goyaz

No ano seguinte, ou seja, em 1973, Fernandinho conquistou o título do Campeonato Goiano naquela decisão contra o Goiás, que terminou durante a madrugada. O ex-atacante colorado contou que naquele jogo foi expulso injustamente pelo árbitro Benedito Gonçalves.

Entre 1974 e 75, Fernandinho jogou pelo Santos ao lado de ninguém menos que Pelé. O jogador relatou que o rei do futebol era muito disciplinado. "Ele tinha uma capacidade intelectual fora de série, mas treinava muito," cita.

Fernandinho voltou ao Vila Nova em 1976. No clube colorado, ele participou dos três primeiros títulos do tetracampeonato. O pequeno polegar, como ficou conhecido no futebol goiano, era irmão dos ex-jogadores Zé Teodoro e Gilson Bonfim (já falecido).

Mais notícias

12/08/2020 - Atlético-GO disputou jogos de Norte a Sul pela Série A e tem o Pacaembu como 'segunda casa'
12/08/2020 - Em sua 40ª participação na Série A, Goiás rodou o Brasil para jogar na elite nacional
10/08/2020 - #TBT | Adriano marca duas vezes e Goiás arranca empate por oito gols na Série B 1994
09/08/2020 - Goiás já foi eliminado, mas nunca perdeu na Serrinha por competição nacional
07/08/2020 - Os caminhos do Vila Nova na história da Série C do Campeonato Brasileiro
Desenvolvido por brgomes.com