22/01/2016 18:34  •  Atualizada em 22/01/2016 18:34

Sabia que a Anapolina já decidiu um título brasileiro?


Viajando pela seção Linha do Tempo, ontem, do futeboldegoyaz.com.br encontrei um jogo marcante da Anapolina no dia 21 de janeiro de 1981. No estádio Jonas Duarte, a Rubra venceu o Bahia por 2 a 0 em partida válida pela 4° rodada da primeira fase da Taça de Prata, competição equivalente ao campeonato brasileiro da série B.

Treinada por Marcius Fleury, a xata foi escalada neste confronto com Dilon, Assis, Sidnei, Paulo Neli e Nilton; Paulo Sérgio, Mário e Esquerdinha; Jorge Cruz, Osmário e Rodrigues.

Os gols da vitória sobre o Tricolor baiano foram marcados por Esquerdinha e Jorge Cruz. Esta vitória fez parte da campanha do vice-campeonato da Anapolina na Taça de Prata de 1981.

Após ter se classificado em segundo tanto na primeira quanto na segunda fase. A Rubra eliminou o Remo-PA na Semifinal e chegou à decisão contra o Guarani-SP. Na primeira partida derrota, por 4 a 2, em Anápolis. Já no segundo confronto, a rubra empatou com o Bugre no estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas por 1 a 1.


Confira os jogos e as escalações da Anapolina:



Mais notícias




Programa de rádio

Edição 160 - Célio Gaúcho

Todos os domingos às 12h na Rádio 730

Enciclopédia


O Campinas teve dois artilheiros de campeonatos goianos: Waltercides com 19 anos, em 1963, quando o clube se chamava Campineira e Lindenberg, em 1971, que dividiu a artilharia com Carlos Ramos, do Goiânia, ambos com 9 gols.

Históricos em destaque

Atlético-GO (BRA)

91 x 94

Vila Nova-GO (BRA)

Ver histórico completo



Flamengo-RJ (BRA)

24 x 9

Goiás-GO (BRA)

Ver histórico completo