14/08/2015 09:34  •  Atualizada em 14/08/2015 09:34

Bahia domina retrospecto contra o Atlético Goianiense

Neste século, o Dragão venceu o tricolor do Boa Terra apenas uma vez


Atlético e Bahia tem um retrospecto bem diversificado. Os dois clubes já se enfrentaram por várias competições diferentes, e também, em um número considerável de estádios. Os baianos levam boa vantagem sobre os goianos no histórico de confrontos.


Em 16 jogos, o Atlético venceu quatro, empatou três e perdeu nove. São 17 gols rubro-negros contra 21 tricolores. Em Goiânia, os números são equilibrados, com quatro vitórias para cada lado, em oito partidas realizadas.


Veja a lista completa de jogos entre Atlético e Bahia


Goianos e baianos já se enfrentaram pelos Campeonatos Brasileiros das Séries A, B e C. Eles também já estiveram frente a frente na Copa do Brasil, no Torneio João de Brito e em um confronto amistoso.


 


DADOS GERAIS


Jogos: 16


Vitórias do Atlético: 04


Vitórias do Bahia: 09


Empates: 03


Gols do Atlético: 17


Gols do Bahia: 21


 


JOGOS EM GOIÂNIA


Jogos: 08


Vitórias do Atlético: 04


Vitórias do Bahia: 04


Empates: 00


Gols do Atlético: 10


Gols do Bahia: 09


 


JOGOS POR COMPETIÇÃO


Brasileiro Série A: 07


Brasileiro Série B: 03


Brasileiro Série C: 02


Copa do Brasil: 02


Torneio João de Brito: 01


Amistosos: 01


 


JOGOS POR ESTÁDIO


Serra Dourada: 05


Fonte Nova: 04


Pituaçu: 04


Olímpico: 02


Antônio Accioly: 01


 


OUTROS


Primeiro jogo: 07/09/1966 – Atlético 2x0 Bahia – Torneio João de Brito – Olímpico


Último jogo: 02/12/2012 – Atlético 0x1 Bahia – Brasileiro Série A – Serra Dourada


Maior goleada do Atlético: Não houve


Maior goleada do Bahia: 3x0 – 27/11/2009 – Brasileiro Série B – Serra Dourada



Mais notícias




Programa de rádio

Edição 160 - Célio Gaúcho

Todos os domingos às 12h na Rádio 730

Enciclopédia


O primeiro time de futebol de Goiânia foi fundado no dia 28 de abril de 1936. A União Americana Esporte Clube foi idealizada por jovens que migraram da Cidade de Goiás para a nova Capital. O nome foi uma homenagem aos dois tradicionais rivais de Vila Boa de Goiás, a Associação Atlética União Goiana e o América Sport Club. O primeiro presidente do clube foi Elísio Taveira, que já era um dos maiores militantes do futebol na cidade de Goiás.