29/05/2015 18:22  •  Atualizada em 09/06/2015 19:51

#Programa60: Paredão rubronegro

O Futebol de Goyaz resgata a história de Pedro Bala, grande goleiro campeão goiano de 1970 e campeão do Torneio da Integração Nacional no ano seguinte


Gerliézer Paulo/Futebol de Goyaz

Pedro Manoel dos Santos é pouco conhecido no futebol goiano. Mas se falar em "Pedro Bala", os torcedores vão lembrar de suas grandes defesas, suas grandes conquistas e sua trajetória no mundo da bola. O camisa 1 campeão goiano em 1970 é a principal atração deste domingo, 31, do programa Futebol de Goyaz e suas histórias, na Rádio 730, a partir do meio dia.

O ex-atleta é nascido em Minas Gerais, onde começou a carreira ainda na infância quando foi obrigado a abandonar os estudos para ajudar financeiramente a família após a morte do pai. Pedro relembra histórias sobre sua chegada em Goiânia com apenas uma carta na mão endereçada a Tomaz de Aquino Gonçalves, então integrante da comissão técnica do Goiás Esporte Clube, para seguir o sonho de ser jogador de futebol.

O goleiro do Atlético na década de 1970 descreve com carinho sua relação com Antônio Accioly e com o Dragão rubronegro onde foi campeão goiano em 1970 sendo eleito o melhor jogador da partida final e campeão do Torneio da Integração Nacional.

Futebol de Goyaz tem o apoio das TINTAS COLATEX e da REDE DA CONSTRUÇÃO na missão de resgatar a origem do nosso futebol.




Mais notícias




Programa de rádio

Edição 160 - Célio Gaúcho

Todos os domingos às 12h na Rádio 730

Enciclopédia


Em 1965, a Fundação de Esportes proibiu jogos amistosos entre times goianos e equipes como São Paulo, Vasco, Santos e Botafogo para evitar o "estrangeirismo". Como medida, a fundação passou a cobrar taxa de 34% sobre a renda bruta dos jogos diante desses adversários.